Economia de gotejamento e Empreendedores Sociais

Estimativas da Abong – Associação Brasileira de ONGS contabilizam aproximadamente 500 mil Instituições sem fins lucrativos no país.

Vamos assumir que apenas 10% façam um trabalho com seriedade e não sejam utilizadas como fachadas para contravenção.

Estamos falando de 50 mil ONGs no país atuando em diferentes causas e iniciativas. O primeiro desafio que se vem à cabeça é como sustentar uma estrutura, seja qual for a finalidade e tempo de dedicação.

Começa então a famosa disputa por ‘pobre’. O complexo da maré, no Rio de Janeiro, tem um total de 140 mil pessoas. Em São Paulo, a Heliopolis tem 100 mil pessoas. São exemplos de comunidades de baixa renda com alta desnidade demografica e fontes ‘ricas’ de infinitos projetos sociais.

Depois de disputar a agenda, atenção e disponibilidade do público, agora é a vez do bolso dos patrocinadores. Em um país em que a cultura de doação é bastante limitada, a captação fica restrita a programas de responsabilidade sociais corporativos ou de origem do governo.

Yunus destaca (Creating a World Without Poverty, 2008) que a caridade é uma forma de trickle down economy ou economia de gotejamento, em que, se ela cessa, a ajuda aos necessitados também é interrompida.

De acordo como IPEA, O Brasil tem 19 milhões de microempreendedores, ou seja, 10% da população. Antes que alguém diga que são empreendedores por necessidade, estima-se que 60% desse número são por vocação.

Portanto, são importantes lideranças comunitárias que podem atuar viabilizando negócios sociais com iniciativas espontâneas e sustentáveis.

Uma saída para o desafio de captação das organizações sem fins lucrativos ou sociais é que devemos estimular esses microempreendedores comunitários através de capacitação em gestão e financiamento acessível (no sentido mais puro da palavra – ter um credito aprovado em 2h, porém, com um juros de 5% ao mês está longe de ser acessivel).

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s